sexta-feira, 16 de julho de 2010

Vote com a sua Consciência !

As eleições de outubro de 2010 se aproximam. É lamentável ve a igreja (algumas denominações através dos seus pretensos donos), envolvidas na política como o clero romano sempre fez. Aliás, criticávamos essa junção até um dia desses, esse coloio sujo, essa mistura podre. Agora, resolvemos (eles) imitar o mundo, fazer igualzinho a eles.

Sob a falsa e enganosa alegação de que seus candidatos vão nos defender - quem defende a sua igreja é Deus, estão impondo goela abaixo dos irmãos, pobres incaltos indefesos, seus candidatos, gente sua, sabe lá Deus a troco de que...

Como argumento, alegam que esses candidatos vão impedir projetos do tipo : "Casamento gay", dentre outros. Ora, a bancada dos deputados no congresso nacional é composta de pouco mais de 500 deputados. Os evangélicos não chegam a 10% desse percentual, e não votam alinhados; são historicamente desunidos. Además, por serem de denominações diferentes, votam, sim com seus caciques, à quem devem o mandato. Assim, em nada eles modificarão o resultado final de uma votação dessa magnitude, isto sem contar que essa mesma bancada evangélica - se é que podem ser chamados assim, com raras excessões, muitos deles nem como cristãos são conhecidos naquela casa, para vergonha e tristeza nossa.

Sou contra "pastor impondo voto aos irmãos", aliás, se constitui Crime Eleitoral e o TRE-Tribunal Regional Eleitoral precisa estar atento a esse tipo de manobra tão comum em nossas igrejas nessa época. Nossa missão é outra, maior e mais sublime. Parar culto pra pedir votos para esse ou aquele candidato é no minimo escandaloso. Candidatos devem buscar outros meios como eventos, comicios, shows gospel, contato boca a boca, qualquer coisa fora do templo. A casa de Deus não é lugar disto, os irmãos não vão ali para esse fim. Pior é saber que eles designam cabos eleitorais, pessoas da igreja para aliciarem o povo, amedrontrar, intimidar, fazer ameaças se não votar em quem o chefe maior está determinando. Tenho informações de que assim tem sido.

Ora, o voto é livre e o povo cristão deve votar em quem achar que deve, com a sua consciencia sem nenhuma influencia ou pressão externa de líder algum. Pense nisto, reflita e faça do seu voto a arma capaz de mudar algo em seu benefício, ao invés de favorecer sob forma de benesses, apenas quem os impõe ao povo, verdadeiros barganhadores vendendo e loteando o rebanho do Senhor.

Não vote em quem eles querem, vote em quem seu coração mandar e ponto final. Seja consciente deste principio, exerça o seu livre direito de escolha. Seja mais voce, e menos esses aproveitadores disfarçados, que se imaginam donos até de sua consciencia. Examine o seu candidato, seu histórico, seu compromisso, e sobretudo quem está de fato por trás do seu projeto politico. Importante saber se o mandato é dele ou de quem o está elegendo. Penso nisto e vote. Conselho de amigo. Tome uma sábia decisão agora, para não se arrepender amanhã.

_____________________________________

Pastor EDUARDO SILVA
Assembléia de Deus Ebenézer - Petrolina/Pe

Nenhum comentário: