segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Reflexão-01 - Éra-lhe necessário passar por Samaria !

O sol palestino lança seus raios fulgurantes e imparciais, tanto sobre uma desconhecida mulher samaritana, quanto sobre o salvador do mundo, que exausto da viagem, senta-se à beira do poço de Jacó. A mulher dirige-se àquele lugar sem saber que o destino lhe reservava uma grata e agradável surpresa. Por aquela mulher "éra-lhe necessário passar por Samaria".

A necessidade de passar por ali não era simplesmente por uma questão geográfica, mas sobretudo uma estratégia divina.

Surge então na estrada em meio a poeira quente e o sol causticante uma pobre mulher, cansada não tanto pelo jarro que levava à cabeça, mas principalmente pelo vazio que carregava em seu triste e amagurado coração, construído ao longo de duros e incertos anos de uma história nada admirável.

Por isso ela estava indo buscar água àquela hora, por volta do meio-dia, fugindo dos comentários gerados por sua reputação, evitando ser vista por quem só a condenava. Sentimentos de culpa a perseguiam e assim, sob o peso de tais acusações, ela chega a fonte de Jacó com o jarro vazio, simbolo da sua própria vida, sinônimo de quem precisava se encher... Quando se depara com Jesus, que imediatamente percebe em sua angústia um imenso poço, que permaneceria vazio não fosse a sua providencial intervenção, acontece o que ela jamais imaginaria. Jesus pede-lhe água, ouve-a, pondera, revela o seu passado entendendo cada ferida decorrente da sua insegurança, e então oferece-se como a água viva que saciaria de vez a sua maior sede - a sede espiritual.

Assim é Jesus, essa fonte inesgotável, capaz de mudar radicalmente a vida de anônimos, esquecidos, discriminados e pecadores os mais comuns e incomuns, perdoando-os, purificando-os e transformando-os com o seu precioso sangue para sempre.

Como fez com aquela mulher Samaritana, o fará com qualquer outro sedento que busque o seu pronto auxílio.

"Éra-lhe necessário passar por Samaria"

Texto bíblico chave : Jo 04.04-30, 39-42
___________________________________________

Pr Eduardo Silva

Nenhum comentário: