quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Reflexão-03 - Falando em Silêncio !

Por vezes insistimos em querer ouvir de Deus uma resposta à nossa maneira, do nosso jeito, um sinal que nos faça entender a sua vontade em nós, e nem sempre Ele se manifesta assim.

A Biblia está cheia de exemplos e histórias de homens que o consultaram. As vezes Ele dizia "sim"; as vezes dizia "não". Mas, surge então a questão que não quer calar : De quantas maneiras Deus nos responde ?

Bom, pelo menos de quatro maneiras distintas Deus costuma nos responder, dizendo "Sim", "Não", "Espere" e as vezes "silenciando, sem dizer absolutamente nada".

Uma mulher procurou Jesus com um problemão de ordem familiar (envolvia a sua filha), e espiritual (a menina estava possuída por espíritos malignos - miseravelmente endemôniada). O mestre a ouviu calado e seu drama ali apenas estava começando, pois, além do silêncio do Senhor, os discípulos ainda fizeram pouco caso dela ao dizerem ao mestre que a despedisse, mandasse ir embora - estava sobrando ali, incomodando-os (Mt 15.23). Que dureza, ninguém havia se sensibilizado com a sua situação, numa análise pura e simples.

Respondendo aos seus discípulos, Jesus disse-lhes que a sua missão era socorrer aos perdidos. Mas a mulher continuava ali como uma mera coadjuvante de um drama sem perspectiva de solução, quando então, teve uma idéia inovadora : Adorar ao Senhor mesmo quando nada estava indo bem... (Mt 15.25). Poucos em situação similar se manteriam com tamanha fé e firmeza.

Jesus, provavelmente querendo provar ainda mais a sua inabalável fé, comparou-a a cachorros e nem assim ela perdeu a postura, o equilíbrio, a paciência, o alvo (Mt 15.26). Permaneceu focada na direção do seu sonho, e ainda assim, achou forças para dizer "SIM", quando todas as cinscunstâncias lhes diziam "Não" Mt 15.27.

Vendo tão grande fé, o Senhor disse-lhe : "Seja feito para contigo, como tu desejas", e desde aquele momento a sua filha ficou radicalmente curada, mesmo não estando ali fisicamente (Mt 15.28).

Foi um milagre a distância, resultante da fé, insistência, e extraordinária atitude de humildade daquela mulher Siro-fenícia (não era judia).

Que lição para nós hoje ! Em suma, aprendemos com esse texto, dentre outras coisas, que devemos : 1) Buscar socorro em Deus sempre, 2) Ouvir e entender o seu silêncio, quando Ele nos responder assim, 3) Não nos preocuparmos com quem se interpõe em nosso caminho como obstáculos. Maior é Deus, 4) Adorar ao Senhor em qualquer circunstância, e 4) O silêncio de Deus é uma maneira Dele falar conosco...

Procuremos, portanto, ouvir a voz do seu silêncio e sejamos determinados no que buscamos, sempre !
_________________________________________

Pr Eduardo Silva

Nenhum comentário: