quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Escolha, Missão e Compromisso ! - 0002

ASSEMBLÉIA DE DEUS EBENÉZER - 0002
Av Mário Rodrigues Coelho, 730 Cohab Massangano
Cep. 56.310-780 Petrolina-Pe –
F. (87) 8806.9952 – (74) 9115.8145

Cultos de Estudos Bíblicos - Ensino da Palavra
Sexta-Feiras 19:30 às 21:30 hrs. Estudos Temáticos, ministrados dias :

06, 13, 20 e 27 de Novembro de 2009

"2009 ANO DA SEMEADURA" !

Mc 04.14 “... o que semeia semeia a palavra”.

“ ESCOLHA, MISSÃO E COMPROMISSO ! ”
Jo 15.16 - At 09.15 – Mt 22.14

Jo 15.16 Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vos conceda...

TNVI – Vocês não me escolheram, mas eu os escolhi para irem e darem fruto, fruto que permaneça, a fim de que o Pai lhes conceda o que pedirem em meu nome. Este é o meu mandamento : Amem-se uns aos outros...

At 09.15 Disse-lhe, porém, o Senhor : Vai, porque este é para mim um vaso escolhido para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis, e dos filhos de Israel.

TNVI – Mas o Senhor disse a Ananias : Vai ! Este homem é meu instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e seus reis, e perante o povo de Israel.

Mt 22.14 Porque muitos são chamados, mas poucos, escolhidos.

TNVI – Pois muitos são chamados, mas poucos são escolhidos.

CHAMAR – Dizer em alta voz o nome de alguém, verificar se está presente, convocar para reunião.

ESCOLHER – Selecionar, preferir, eleger...

NOMEAR – Chamar ou designar pelo nome, conferir cargo, missão, autoridade e poder...
Nb. Alguém pode ser escolhido sem ser, necessariamente nomeado, mas, todo que é nomeado, foi antes escolhido...

JESUS ESCOLHENDO OS SEUS DISCÍPULOS :

Mt 04.18-22 E Jesus, andando junto ao mar da Galiléia, viu dois irmãos, Simão, chamado Pedro, e André, os quais lançavam as redes ao mar, porque eram pescadores.
E disse-lhes : Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.
Então, eles, deixando logo as redes, seguiram-no.
E, adiantando-se dali, viu outros dois irmãos : Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, num barco com Zebedeu, seu pai, consertando as redes; e chamou-os.
Eles, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no.

Nb. Entende-se que deixaram o seu pai, porque eram pescadores com ele...

Mt 09.09-13 E, Jesus passando adiante dali, viu assentado na alfândega um homem chamado Mateus (Publicano, cobrador de impostos para o governo romano) e disse-lhe : Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu.
E aconteceu que, estando ele em casa sentado à mesa, chegaram muitos publicanos e pecadores e sentaram-se juntamente com Jesus e seus discípulos.
E os fariseus, vendo isso, disseram aos seus discípulos : Por que come o vosso Mestre com os publicanos e pecadores ?
Jesus, porém ouvindo, disse-lhes : Não necessitam de médicos os sãos, mas sim, os doentes.
Ide, porém, e aprendei o que significa : Misericórdia quero e não sacrifício. Porque eu não vim para chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento.

NB. A missão dos doze discípulos Mt 10.01-42

OS DISCÍPULOS ESCOLHENDO O SUBSTITUTO DE JUDAS :

At 01.21-26 É necessário, pois, que, dos varões que conviveram conosco todo o tempo em que o Senhor Jesus entrou e saiu dentre nós,
Começando desde o batismo de João até ao dia em que dentre nós foi recebido em cima, um deles se faça conosco testemunha da sua ressurreição.
E apresentaram dois : José, chamado Barsabás, que tinha por sobrenome o Justo, e Matias.
E, orando, disseram : Tu, Senhor, conhecedor do coração de todos, mostra qual destes dois tens escolhido,
Para que tome parte neste ministério e apostolado, de que Judas se desviou, para ir para o seu próprio lugar.
E, lançando-lhes sortes, caiu a sorte com Matias. E, por voto comum foi contado com os onze apóstolos.

DEUS ESCOLHENDO ABRÃO PARA SER
O PAI DE UMA GRANDE NAÇÃO

Gn 12.01-03 Ora, o Senhor disse a Abrão : Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei.
E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome, e tu serás uma bênção.
E abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas (abençoadas, prósperas) todas as famílias da terra.

ABRÃO ESCOLHENDO A SEPARAÇÃO DE LÓ,
SEU SOBRINHO

Gn 13.07-09 E houve contenda entre os pastores do gado de Abrão e os pastores do gado de Ló; e os cananeus e os ferezeus habitavam, então, na terra.
E disse Abrão a Ló : Ora, não haja contenda entre mim e ti e entre os meus pastores e os teus pastores, porque irmãos somos.
Não está toda a terra diante de ti ? Eia, pois, aparta-te de mim; se escolheres a esquerda, irei para a direita; e, se a direita escolheres, eu irei para a esquerda..
V.11 Então, Ló escolheu para si toda a campina do Jordão e partiu Ló para o Oriente; e apartaram-se um do outro.
V. 14 E disse o Senhor a Abrão, depois que Ló se apartou dele : Levanta, agora, os teus olhos e olha desde o lugar onde estás, para a banda do norte, e do sul, e do oriente, e do ocidente;
V. 15 porque toda esta terra que vês te hei de dar a ti e à tua semente, para sempre.
V. 16 E farei a tua semente como o pó da terra; de maneira que, se alguém puder contar o pó da terra, também a tua semente será contada.
V. 17 Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura; porque a ti a darei.

OS APÓSTOLOS, COM O CRESCIMENTO
DA IGREJA PRIMITIVA,
ESCOLHERAM SETE DISCIPULOS PARA OS AJUDAREM,
COMO OS PRIMEIROS DIÁCONOS !

At 06.01-07 Ora, naqueles dias, crescendo o número dos discípulos, houve uma murmuração dos gregos contra os hebreus, porque as suas viúvas eram desprezadas no mistério cotidiano.
E os doze, convocando a multidão dos discípulos, disseram : Não é razoável que nós deixemos a palavra de Deus e sirvamos às mesas.
Escolhei, pois, irmãos, dentre vós, sete varões de boa reputação, cheios do Espírito Santo e de sabedoria, aos quais constituamos sobre este importante negócio.
Mas nós perseveraremos na oração e no ministério da palavra.
E este parecer contentou a toda a multidão, e elegeram Estêvão, homem cheio de fé e do Espírito Santo, e Filipe, e Prócopo, e Nicanor, e Timão, e Pármenas e Nicolau, prosélito de Antioquia;
E os apresentaram ante os apóstolos, e estes, orando, lhes impuseram as mãos.
E crescia a palavra de Deus, e em Jerusalém se multiplicava muito o número dos discípulos, e grande parte dos sacerdotes obedecia à fé.

SACERDOTE – Era uma espécie de mediador entre Deus e o povo, oferecendo sacrifício e orando em seu favor. No AT, o sacerdote era descendente de Arão, separado para servir como oficiante no culto realizado primeiro no Tabernáculo e depois no templo.

ESTÊVÃO, O PRIMEIRO MARTIR !

At 06.08-10 – E Estevão, cheio de fé e de poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo.
E levantaram-se alguns que eram da sinagoga chamada dos Libertos, e dos cireneus, e dos alexandrinos, e dos que eram da Cilícia e da Ásia, e disputavam com Estevão.

NB. SINAGOGA – Casa de oração dos Judeus, que começou a existir provavelmente durante o cativeiro. Nelas adultos e crianças adoravam a Deus, oravam e estudavam as escrituras (Lc 04.16-30). A doutrina cristã se espalhou entre os judeus por meio das sinagogas (At 13.13-15), cuja organização e forma de culto foram adotadas pelas igrejas cristãs.
E não podiam resistir à sabedoria e ao Espírito com que falava.
At 07.58-60 E, expulsando-o da cidade, o apedrejaram. E as testemunhas depuseram as suas vestes aos pés de um jovem chamado Saulo.
A apedrejaram a Estevão, que em invocação dizia : Senhor Jesus, recebe o meu espírito.
E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz : Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu.
At 08.01 E também Saulo consentiu na morte dele. E fez-se naquele dia, uma grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos foram dispersos pelas terras da judéia e da Samaria, exceto os apóstolos. (Comentar resumidamente At 06-07)

A IGREJA PRIMITIVA ERA PERSEGUIDA EM SAMARIA - At 08.01-25

V. 03 E Saulo assolava a igreja, entrando pelas casas; e, arrastando homens e mulheres, os encerrava na prisão.
V.04 Mas os que andavam dispersos iam por toda parte anunciando a palavra.
V. 05 E, descendo Filipe à cidade de Samaria, lhes pregava a Cristo.
V. 06 E as multidões unanimemente prestavam atenção ao que Filipe dizia, porque ouviam e viam os sinais que ele fazia.
V. 07 pois que os espíritos imundos saíam de muitos que os tinham, clamando em alta voz; e muitos paralíticos e coxos eram curados
V.14 Os apóstolos, pois, que estavam em Jerusalém, ouvindo que Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João. Nb. Já pensaram num encontro de Pedro com Saulo ?

A CONVERSÃO DE SAULO ! - At 09.01-18

V. 01 E Saulo, respirando ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote.

SUMO SACERDOTE – Era o presidente do Sinédrio.

SINÉDRIO – Era o mais alto tribunal religioso dos judeus, do qual faziam parte o atual sumo sacerdote e os anteriores, chefes religiosos (anciãos), e professores da lei. Era composto de 71 membros, incluindo o presidente.

V. 02 E pediu-lhe cartas para Damasco, para as sinagogas, a fim de que, se encontrasse alguns daquela seita, quer homens, quer mulheres, os conduzisse preso a Jerusalém.
V. 03 E, indo no caminho, aconteceu que, chegando perto de Damasco, subitamente o cercou um resplendor do céu.
V. 04 E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia : Saulo, Saulo, porque me persegues ?
V. 05 E ele disse : Quem és, Senhor ? E disse o Senhor : Eu sou Jesus, a quem tu persegues, Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões.

RECALCITRAR – Resistir, não ceder, teimar, revoltar-se...

AGUILHÃO – É uma vara com ferrão, usada para tocar uma manada de bois.

V. 06 E ele, temendo e atônito, disse : Senhor, que queres que faça ? E disse-lhe o Senhor : Levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te convém fazer.
V. 07 E os varões, que iam com ele, pararam espantados, ouvindo a voz, mas não vendo ninguém.
V. 08 E Saulo levantou-se da terra e, abrindo os olhos, não via a ninguém. E, guiando-o pela mão, o conduziram a Damasco. (Capital da Assíria)
V. 09 E esteve três dias sem ver, e não comeu, nem bebeu.
V. 10 E havia em Damasco um certo discípulo chamado Ananias. E disse-lhe o Senhor em visão : Ananias ! E ele respondeu : Eis-me aqui, Senhor !
V. 11 E disse-lhe o Senhor : Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso chamado Saulo; pois eis que ele está orando;
• Ananias teve uma visão ! Visão é algo que Deus nos mostra com alguma finalidade espiritual...
Revelação – É algum segredo que Deus nos revela em secreto, muito particularmente, também com objetivos espirituais...
• Saulo havia sido levado para a casa de Judas, pelos varões que o acompanhavam, muito provavelmente...
• Saulo chegou na casa de Judas e foi logo orar a Deus...
V. 12 E numa visão ele viu que entrava um homem chamado Ananias e punha sobre ele a mão, para que tornasse a ver
• Saulo quando orava, Deus lhe deu uma visão de sua restauração...
V. 13 E respondeu Ananias : Senhor, de muitos ouvi acerca deste homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém;
V. 14 E aqui tem poder dos principais dos sacerdotes para prender a todos os que invocam o teu nome.
V. 15 Disse-lhe, porem, o Senhor : Vai, porque este é para mim um vaso escolhido para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis, e dos filhos de Israel.
V. 16 E eu lhe mostrarei quanto deve padecer pelo meu nome.
V. 17 E Ananias foi, e entrou na casa, e, impondo-lhe as mãos, disse : Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo.
V. 18 E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado.

O EVANGELHO É PREGADO AOS GENTIOS,
EM ANTIOQUÍA – At 11.19-26

V. 19 E os que foram dispersos pela perseguição que sucedeu por causa de Estevão, caminharam até a Fenícia, Chipre e Antioquía, não anunciando a ninguém a palavra senão somente aos judeus.
V. 20 E havia entre eles alguns varões de Chipre e de Cirene, os quais, entrando em Antioquía, falaram aos gregos, anunciando o Senhor Jesus.
V. 21 E a mão do Senhor era com eles; e grande número creu e se converteu ao Senhor
V. 22 E chegou a fama destas coisas aos ouvidos da igreja em Jerusalém; e enviaram Barnabé até Antioquía,
V. 23 O qual, quando chegou e viu a graça de Deus, se alegrou e exortou a todos a que, com firmeza de coração, permanecessem no Senhor.
V. 24 Porque era homem de bem e cheio do Espírito Santo e de fé. E muita gente se uniu ao Senhor.
V. 25 E partiu Barnabé para Tarso, a buscar Saulo; e, achando-o, o conduziu a Antioquía.
V. 26 E sucedeu que todo um ano se reuniram naquela igreja e ensinaram muita gente. Em Antioquía, foram os discípulos, pela primeira vez, chamados cristãos.

SAULO DE TARSO – Tarso, grande centro comercial e cultural onde Saulo nasceu, (At 09.11), era a capital de Cilícia, uma província romana da Ásia Menor, ligada com a Síria (At 21.39)

SAULO DE TARSO, TRANSFORMADO EM PAULO – Foi educado aos pés de Gamaliel, fariseu e (doutor) mestre da Lei, que tinha um comportamento um tanto tolerante para com os cristãos. At 05.34-39

O MINISTERIO DE PAULO PROPRIAMENTE DITO – Paulo foi o maior missionário aos gentios, tendo iniciado suas atividades eclesiásticas na Antioquía, em companhia de Bernabé, a seu convite...

PAULO FAZIA TENDAS, JUNTAMENTE COM ÁQUILA – Era certamente um profissional de muitas habilidades nesse ofício At 18.03

COMO BARNABÉ SURGIU NO CAMINHO DE SAULO!

• Com o início da igreja primitiva, Barnabé vendeu uma propriedade e trouxe o dinheiro aos pés dos apóstolos At 04.36-37
• Saulo, novo convertido, foi à Jerusalém encontrar-se com os discípulos e todos o temiam, por não crer em sua conversão. Então, Barnabé fez a ponte entre as partes At 09.26-27
• A Igreja em Jerusalém soube que alguns varões de Chipre e de Cirene, estavam evangelizando em Antioquía, e Deus estava operando poderosamente. Entáo, enviou Barnabé até la, para cooperar com a obra...
• Daí, Barnabé partiu para Tarso, em busca de Saulo, e juntos, por um ano, desenvolveram um grande trabalho na igreja em Antioquía... At 11.20-26

PAULO E BARNABÉ SÃO ENVIADOS PELA IGREJA DE ANTIOQUÍA, À PRIMEIRA VIAGEM MISSIONÁRIA - AT 13 e 14

• Pregaram em Chipre – Ilha do mar mediterrâneo, acompanhados do cooperador João, conhecido como Marcos. At 13.04-12
• Pregaram em Icônio, Listra e Derbe
a) Icônio – Capital da Licônia
b) Listra – Cidade da Licônia, onde Paulo encontrou Timóteo
c) Derbe - Cidade da Licaônia At 14.20 – 16.01. Gaio, companheiro de Paulo posteriormente, era natural de Derbe At 20.04

PAULO E BARNABÉ SE SEPARAM – At 15.36-39

V. 36 Alguns dias depois, disse Paulo a Barnabé : Tornemos a visitar nossos irmãos por todas as cidades em que já anunciamos a palavra do Senhor, para ver como estão.
V. 37 E Barnabé aconselhava que tomassem consigo a João, chamado Marcos.
V. 38 Mas a Paulo parecia razoável que não tomassem consigo, aquele que desde a Panfília se tinha apartado deles e não os acompanhava naquela obra.
V. 39 E tal contenda houve entre eles, que se apartaram um do outro. Barnabé, levando consigo a Marcos, navegou para Chipre
• Paulo e Barnabé estavam em missão, enviados pela igreja de Antioquía, e entraram em desacordo por um simples detalhe, a presença de Marcos...
• Paulo via Marcos como uma pessoa sem compromisso...
• Paulo não admitia um levita como Barnabé, aceitar passivamente a mediocridade do Obreiro Marcos...
• Para Paulo, ou se está comprometido com a obra, ou não se está. Compromisso não pode ser de qualquer jeito. Se tem compromisso ou não se tem...
• Barnabé mesmo assim, queria continuar investindo, acreditando em Marcos, mesmo conhecendo suas dificuldades...
• Esse desentendimento causou a separação dos dois, o fim da parceria, seguindo Marcos com Barnabé

Nb. A) Daí em diante, não se tem maiores registros do trabalho de Barnabé com Marcos... Sabe-se que mais tarde ele juntou-se a Timóteo...
B) Pós-separação, vemos apenas uma citação de Paulo a Barnabé, e nada mais : Gl 02.13 E os outros judeus também dissimulavam com ele, de maneira que até Barnabé se deixou levar pela sua dissimulação.

QUEM ERA AFINAL, ESSE JOÃO, POPULARMENTE CONHECIDO COMO MARCOS ? - Mt 04.21-22

E, adiantando-se dali, viu outros dois irmãos : Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, num barco com Zebedeu, seu pai, consertando as redes; e chamou-os.
Eles, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no.
Nb. Entende-se que deixaram o seu pai, porque eram pescadores com ele...
• O seu nome certo era JOÃO MARCOS, mas ele era conhecido apenas como Marcos, At 12.12, filho da irmã Maria, aquela que reuniu a igreja em sua casa, quando Pedro foi preso por Herodes, dias depois de mandar matar seu filho Tiago à espada At 12.01-17

COMO BARNABÉ SURGIU NO CAMINHO DE PAULO !

• O nome original de Barnabé era José. Barnabé foi o nome dado pelos apóstolos a ele, que significa : Filho da Consolação. Barnabé era levita e natural de Chipre.
• Com o início da igreja primitiva, Barnabé vendeu uma propriedade e trouxe o dinheiro aos pés dos apóstolos At 04.36-37
• Saulo, novo convertido, foi à Jerusalém encontrar-se com os discípulos e todos o temiam, por não crer em sua conversão. Então, Barnabé fez a ponte entre as partes At 09.26-27
• A Igreja em Jerusalém soube que alguns varões de Chipre e de Cirene, estavam evangelizando em Antioquía, e Deus estava operando poderosamente. Então, enviou Barnabé até lá, cooperar com a obra...
• Daí, Barnabé partiu para Tarso, em busca de Saulo, e juntos, por um ano, desenvolveram um grande trabalho em Antioquía... At 11.20-26

PAULO AGORA, ESCOLHE A SILAS E TIMÓTEO
COMO SEUS NOVOS COMPANHEIROS,
EM SUA SEGUNDA VIAGEM MISSONÁRIA
At 16, 17 e 18

• Foram visitar os irmãos nas cidades por onde Paulo havia passado antes
• Estiveram pregando em Filipos
• Estiveram pregando em Tessalônica e Beréia
• Estiveram pregando em Atenas, capital da Grécia, no Aerópago
• Estiveram pregando em Corinto, Éfeso e voltando à Jerusalém
Nb. Para cada Marcos que não quer fazer a obra do Senhor com compromisso sério, Deus levanta um Silas e um Timóteo.

A ELOQUÊNCIA, SABEDORIA E UNÇÃO COM QUE PAULO PREGAVA, INCOMODAVA OS SÁBIOS DE ENTÃO At 17.17-21

V. 17 De sorte que disputava na sinagoga com os judeus e religiosos e, todos os dias, na praça, com os que se apresentavam.
V. 18 E alguns dos filósofos epicureus e estóicos contendiam com ele. Uns diziam : Que quer dizer este paroleiro ? (conversador, contador de lendas, histórias nem sempre verídicas) ? E outros : Parece que é pregador de deuses estranhos. Porque lhes anunciava a Jesus e a ressurreição.

EPICUREUS – O povo do império Romano, caracterizava-se pela grande diversidade de crenças religiosas. O EPICURISMO era uma dessas crenças cujo fundamente era buscar a tranquilidade como o bem maior.

ESTÓICOS - O ESTOICISMO era uma crença que baseava-se no estar livre de paixões e aceitar passivamente tudo o que acontece na vida como destino inevitável e impessoal.

V. 19 E, tomando-o, o levaram ao Aerópago, dizendo : Poderemos nós saber que nova doutrina é essa de que falas ?
V. 20 Pois coisas estranhas nos trazes aos ouvidos; queremos, pois, saber o que vem a ser isso.
V. 21 (Pois todos os atenienses e estrangeiros residentes de nenhuma outra coisa se ocupavam senão de dizer e ouvir alguma novidade).

O DISCURSO DE PAULO NO AERÓPAGO ! At 17.22-30

O Aerópago era um fórum aberto para debate filosófico em Atenas, centro cultural e religioso do mundo grego-romano. Havia mais estátuas de deuses em Atenas do que em toda a Grécia.

V. 22, Estando Paulo no meio do Aerópago, disse : Varões atenienses, em tudo vos vejo um tanto supersticiosos ;
V. 23 porque, passando eu e vendo os vossos santuários, achei também um altar em que estava escrito : AO DEUS DESCONHECIDO !. Esse pois que vós honrais não o conhecendo é o que eu vos anuncio.
V. 24 O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens.
V. 25 Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, a respiração e todas as coisas;
V. 26 e de um só fez toda a geração dos homens para habitar sobre toda a face da terra, determinando os tempos já dantes ordenados e os limites da sua habitação,
V. 27 para que buscassem ao Senhor, se, porventura, tateando, o pudessem achar, ainda que não está longe de cada um de nós;
V. 28 Porque nele vivemos, e nos movemos, e existimos, como também alguns dos vossos poetas disseram : Pois somos também sua geração (Frase poética e filosófica)
V. 29 Sendo nós, pois, geração de Deus, não havemos de cuidar que divindade seja semelhante ao ouro, ou à prata, ou à pedra esculpida por artifício e imaginação dos homens.
V. 30 Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam

TERCEIRA VIAGEM MISSIONÁRIA DE PAULO À ÉFESO - At 19

PAULO É PRESO EM JERUSALÉM E, TRANSFERIDO PARA ROMA, ESCAPA DE UM NAUFRÁGIO
At 21, 27 e 28

OBSERVEMOS QUE PAULO FOI ESCOLHIDO POR DEUS :

• Mesmo quando não o conhecia !
• Mesmo quando perseguia a igreja do Senhor
• Mesmo quando era um cego espiritual
• Mesmo quando estava tão longe da verdade !
• Mesmo quando ninguém acreditava que essa mudança fosse possível !
Nb. Paulo agarrou-se a única chance que lhe restou – o arrependimento !

MUITAS PESSOAS NÃO MUDAM, PORQUE :

• Simplesmente não querem mudar, e Deus respeita a lei do livre arbítrio
Mc 08.34 E chamando a si a multidão, com os seus discípulos, disse-lhes (Jesus) : Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me.
HÁ UMA FRASE DE UM CERTO PENSADOR,
QUE DIZ ASSIM :

“ O Deus que me fez sem eu querer,
não me salvará se eu não quiser !“

Lc 18.27 Mas ele respondeu : As coisas que impossíveis aos homens são possíveis a Deus.

E NÓS COMO IGREJA DO SENHOR
FOMOS ESCOLHIDOS PARA DARMOS FRUTOS !

• Que Glorifiquem a Deus !
• Que Enalteçam o seu Reino !
• Que sejam de exemplo para o mundo em crise !
• Que alimentem os famintos com o pão da vida !
• Que nos façam fazer a diferença !

Ml 03.18 Então, vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus e o que não serve

Jo 15.16 Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vos conceda...
Nb. Esta é uma das ultimas instruções de Jesus aos seus discípulos, nos dias que antecediam a sua morte.

PARA QUE VAIS E DEIS FRUTO... – Fala de levantar-se, agir, sair da inércia, do sono da indolência ...
Is 60.01 Levanta-te, resplandece, porque já vem a tua luz, e a glória do Senhor vai nascendo sobre ti

E O VOSSO FRUTO PERMANEÇA – Fala de se produzir fruto bom, saudável, alicerçado na palavra de Deus...
1 Jo 03.09 Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus

... TUDO QUANTO PEDIRDES AO PAI – Fala de resposta condicionada, quando nos levantarmos e produzirmos o fruto que Deus espera de nós, Ele responderá nosso clamor...
Jr 33.03 Clama a mim, e responder-te-ei e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes, que não sabes.

JESUS ENFATIZOU QUE SOMOS SEUS ESCOLHIDOS
E NOMEADOS :

• Para irmos e darmos fruto – Significa que não fomos escolhidos para ficarmos parados, desatentos, improdutivos, alheios ao seu querer...
Mt 03.10 E também, agora, está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois, que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
• Para darmos frutos que permaneçam – Significa que precisamos encarar essa escolha como uma missão, um sacerdócio...
Rm 07.04 Assim, meus irmãos, Também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais doutro, daquele que ressuscitou dentre os mortos, a fim de que demos fruto para Deus
• Para em seu nome operarmos prodígios, sinais e maravilhas – Significa que, depois de escolhidos e comissionados, recai sobre nós o compromisso de utilizarmos todas as armas espirituais de que dispomos...
Jr 48.10 Maldito aquele que fizer a obra do Senhor fraudulentamente ! E maldito aquele que preserva a sua espada do sangue !
TNVI – Maldito o que faz com negligência o trabalho do Senhor ! Maldito aquele que impede a sua espada de derramar sangue !

At 09.15 Disse-lhe, porém, o Senhor : Vai, porque este é para mim um vaso escolhido para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis, e dos filhos de Israel.

QUE FRUTO JESUS ESPERA DE MIM ?

Jo 15.16 Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vos conceda...

OS DEZ MANDAMENTOS DO SENHOR !
(Ex 20.01-17)

1. Não terás outros deuses diante de mim Ex 20.03

2. Não farás para ti imagens de esculturas, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra Ex 20.04

3. Não te encurvarás a elas nem as servirás; por que eu, o Senhor, teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem Ex 20.05

4. Não tomarás o nome do Senhor, teu Deus, em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão Ex 20.07

5. Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor, teu Deus, te dá Ex 20.12

6. Não matarás Ex 20.13

7. Não adulterarás Ex 20.14

8. Não furtarás Ex 20.15

9. Não dirás falso testemunho contra o teu próximo Ex 20.16

10. Não cobiçarás a casa do teu próximo; não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do seu próximo Ex 20.17

JESUS AO PROFERIR O GRANDE MANDAMENTO DA LEI, RESUMIU OS DEZ MANDAMENTOS
EM APENAS DOIS - Mt 22.34-40

Vers. 34 – E os fariseus, ouvindo que Ele fizera emudecer os saduceus, reuniram-se no mesmo lugar.

Vers. 35 – E um deles, doutor da lei, interrogou-o para o experimentar, dizendo :

Vers. 36 – Mestre, qual é o grande mandamento da lei ?

Vers. 37 – E Jesus disse-lhe : Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.

Vers. 38 – Este é o primeiro e grande mandamento.

Vers. 39 – E o segundo, semelhante a este, é : Amarás o teu próximo como a ti mesmo.

Vers. 40 – Desses dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.

DEPOIS, JESUS RESUMIU TUDO NO AMOR - Jo 15.12
O MEU MANDAMENTO É ESTE : QUE VOS AMEIS UNS AOS OUTROS, ASSIM COMO EU VOS AMEI.

REREFÊNCIAS :

2 Jo 01.06 E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este é o mandamento, como já desde o princípio ouvistes, que andeis nele.

1 Jo 03.18 Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade.

1 Jo 03.23 E o seu mandamento é este: que creiamos no nome de seu Filho Jesus Cristo, e nos amemos uns aos outros, segundo o seu mandamento.

1 Co 13.01 Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.

1 Co 13.02 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.

1 Co 13.03 E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.

1 Co 13.04 O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.

1 Co 13.05 Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;

1 Co 13.06 Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;

1 Co 13.07 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

1 Co 13.13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor

Cl 03.12 Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade;

Cl 03.13 Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também.

Cl 03.14 E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição.

Rm 13.08 A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei.

Rm 13.09 Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo

Rm 13.10 O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.

PAULO FOI UM UM VASO ESCOLHIDO COM
UMA MISSÃO DEFINIDA :

• Pregar o evangelho aos gentios
Gentios – Eram todos os povos que não eram da família hebraica, (Lv 25.44 – l Cr 16.24), que não eram Israelitas, como os Gregos, Romanos, Assírios, etc. Eram tidos como gentios os incrédulos Jr 10.25 e todos aqueles que não aceitavam que Deus se tivesse revelado aos judeus, permanecendo eles então na idolatria...
• Pregar o evangelho aos reis – O que só foi possível pela sua eloquência, fluência no falar, alto nível cultural e poder de Deus na vida...
• Pregar o evangelho aos filhos de Israel, o seu povo...

DIZEM ATÉ QUE PAULO ERA TOLO, SE FEZ DE TOLO PARA COM ALGUNS,
OBJETIVANDO GANHÁ-LOS PARA JESUS !

Isto não é uma afirmação correta ! Senão, Vejamos o texto :

1 Co 09.22 Fiz-me fraco para com os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para com todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns.

PAULO DEU A SUA VIDA POR AMOR A OBRA DE DEUS !

Fp 01.21 Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho.
2 Co 12.15 Eu, de muita boa vontade gastarei, e me deixarei gastar pelas vossas almas, ainda que, amando-vos cada vez mais, seja menos amado.

PAULO ABRIU MÃO DE VIVER, PARA SE DAR
INTEIRAMENTE A OBRA DE DEUS !

At 20.24 Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus.

PAULO TEVE SEUS LAMPEJOS DE POETA,
FILÓSOFO E PENSADOR

1 Co 02.09 (Paulo pregando em Corinto, disse) : Mas, como está escrito : As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem são as que Deus preparou para os que o amam.

PAULO NOS ADVERTIU SOBRE O QUE
DEVEMOS OU NÃO, FAZER

1 Co 06.12 Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convém; todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma.

PAULO NOS EXORTOU A SANTIDADE

1 Co 06.19 Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos.

PAULO UM DIA, ESTAVA TRISTE, DESMOTIVADO, REVOLTADO COM A VIDA, NUMA GUERRA ESPIRITUAL :

Rm 07.19-20 Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse faço.
Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim
Rm 07.24 Miserável homem que sou ! Quem me livrará do corpo desta morte ?

PAULO TINHA UM ESPINHO NA CARNE
QUE O INCOMODAVA MUITO

2 Co 12.07-10 E para que me não exaltasse pelas excelências das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de não me exaltar.
Acerca do qual três vezes orei ao Senhor, para que se desviasse de mim.
E disse-me : A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.
Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias, por amor de Cristo. Porque, quando estou fraco, então, sou forte.

PAULO, FOI SE ACALMANDO E RECONHECEU

Rm 08.28 E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados (escolhidos) por seu decreto.

PAULO DECLARANDO AMOR INCONDICIONAL A DEUS

Rm 08.35-39 Quem nos separará do amor de Cristo ? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada ?
Como está escrito : Por amor de ti somos entregues a morte todo dia; fomos reputados como ovelhas para o matadouro.
Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou.
Porque estou certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir;
Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor !

PAULO DEFINE O EVANGELHO COMO PODER DE DEUS !

Rm 01.16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crer, primeiro do judeu e também do grego.

PAULO RECOMENDA AOS IRMÃOS DE FILIPOS, QUE VIVAM O QUE ELE ENSINAVA

Fp 04.08-09 Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, NISSO PENSAI.
O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, ISSO FAZEI; e o Deus de paz seja convosco.
Fp 03.17 Sede também meus imitadores, irmãos, e tende cuidado, segundo o exemplo que tendes em nós, pelos que assim andam.

PAULO PREVÊ SUA MORTE E CHAMA TIMÓTEO A VIR VISITAR-LHE - 2 Tm 04.06-18

V. 06 Porque eu já estou sendo oferecido por aspersão de sacrifício, e o tempo da minha partida está próximo.
V. 09 Procura vir ter comigo depressa.
V. 10 Porque Demas me desamparou, amando o presente século, e foi para Tessalônica; Crescente, para a Galácia, Tito, para a Dalmácia.
V. 11 Só Lucas está comigo. Toma Marcos e traze-o contigo, porque me é muito útil para o ministério.
Nb. a) Esse Marcos foi o mesmo que Paulo descartou, quando estava com Barnabé em Antioquía, e que originou a separação dos dois, porque não tinha compromisso com a Obra. Ele seguiu com Barnabé e posteriormente com Timóteo. Pelo visto se redimiu, sendo um bom obreiro do Senhor longe de Paulo.
b) Ref. Cl 04.10 Aristarco, que está preso comigo, vos saúda, e Marcos, o sobrinho de Barnabé, acerca do qual já recebestes mandamentos; se ele for ter convosco, recebei-o.
V. 13 Quando vires, traze a capa que deixei em Tróade, em casa de Carpo, e os livros, principalmente os pergaminhos.
V. 14 Alexandre, o latoeiro, causou-me muitos males; o Senhor lhe pague segundo as suas obras.
Nb. Latoeiro – a) Aquele que trabalha com folhas de metais, funileiro
b) Esse Alexandre, era muito provavelmente o blasfemo citado em :
1 Tm 01.20 E entre esses foram Himeneu e Alexandre, os quais entreguei a Satanás, para que aprendam a não blasfemar.
Nb. BLÁSFEMO – Pessoa que profere palavras ofensivas à outra pessoa.

PAULO, AO FINAL DA CARREIRA,
SENTINDO-SE RECOMPENSADO

Fp 04.13 Posso todas as coisas naquele que me fortalece.
Fp 04.19 O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus.
2 Tm 04.07-08 Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.
Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, o justo juiz, me dará naquele Dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.

“ ESCOLHA, MISSÃO E COMPROMISSO ! “

1.1 TODA ESCOLHA PRECEDE UMA TAREFA, UMA MISSÃO...

• Deus não nos escolheu por acaso
• Deus não nos escolheu simplesmente por escolher
• Deus nos escolheu para uma sublime missão de anunciarmos o seu Reino, produzirmos para Ele, darmos fruto que permaneça...

1.2 TODA TAREFA E MISSÃO, REQUER COMPROMISSO...

• Compromisso com Deus
• Compromisso com a sua Igreja
• Compromisso com o seu pastor
• Compromisso com a sua família
• Compromisso com as almas perdidas

A História do patrão que foi visitar sua propriedade de surpresa !

• Os que se apressaram em se mostrar bons trabalhadores, na verdade eram maus profissionais, enganadores...
• Os que se mostraram ser maus trabalhadores, na verdade eram os bons trabalhadores
Sl 101.07 O que usa de engano não ficará dentro da minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos.

UM CERTO PENSADOR, DISSE :

• É possível enganar alguns por algum tempo!
• É possível enganar a muitos por muito tempo!
• Mas, é impossível enganar a todos, todo tempo!

Mt 24.46 Bem-aventurado (feliz, abençoado) aquele servo que o Senhor, quando vier, achar servindo assim...

TNVI – Feliz o servo que seu Senhor encontrar fazendo assim quando voltar...

Petrolina, 27 de Novembro de 2009

________________________________________

Pastor Eduardo Silva

Nenhum comentário: