sexta-feira, 29 de junho de 2012

A música gospel brasileira está uma m...

 Que diferença de conteúdo, unção e graça de Deus

Com todo respeito ao seu gosto e predileção - desculpe a expressão do título. Não achei outro adjetivo. Aliás, transcrevi aqui o que ouvi recentemente de um decepcionado amigo.

Sou de uma geração onde a qualidade e o conteúdo eram primordiais, fundamentais, indispensáveis.

Falo da música como um todo. Estive esta semana ouvindo reiteras vezes A TRISTE PARTIDA, de Patativa do Assaré, http://www.youtube.com/watch?v=r-8rsqTJi-0, algo indescritível, rico, pura cultura nordestina brasileira. Letra realíssima, que imortaliza a história de um povo.

Fui criado ouvindo compositores como Josias Meneses, autor dentre outras perolas, de CRISTO E A CRUZ, e O ROSTO DE CRISTO. Edson Coelho, esse nem dá para citar, tantos são seus mararavilhosos poemas, dentre outros. 

Em meu tempo, surgiram Armando Filho, logo depois Sérgio Lopes, Carlinhos Feliz, Paulo Cézar do extinto grupo Elo, Cícero Nogueira, e por ai foi parando, secando a fonte, acabando-se os escritores de hinos, sendo substituidos pelos apeladores de plantão, gente despreparada, intrusos no meio cristão objetivando apenas sobreviver de migalhas que a suja mídia proporciona.

O tema hoje, repetido por todos exaustiva e idiotamente, todos copiando (plageando) todos, é único, como se a inteligencia do povo fosse cega, burra e surda : " Platéia, palco, falando mal de mim, quem viver verá, me aplaudir de pé, sabor de mel, é quimica, é quimica, voce que não gosta de mim, tem raiva de mim, me odeia, etc, etc. 

Essas e outras aberrações e babaquices anti biblicas, sem nenhuma base de sustentação cristã, se encontra na pobre musica gospel de hoje. Despreparo generalizado de quem compõe, de quem grava e principalmente de quem ouve essa palhaçada disfarçada de palha seca, e se alimenta disso como se fosse nutrição espiritual de boa qualidade. 

Isto é o lixo sendo oferecido como comida limpa. Contrasta com João 17, onde Jesus nos fala da unidade do seu corpo. 

Ora, ninguém é abençoado para envergonhar ninguém, para lavar a alma, para bater no peito e ostentar grandeza, supremacia sobre o seu irmão, e isto é o que mais essas músicas enfocam, vingança, e a vingança a Deus pertence

Tá na hora do povo de Deus acordar. É besteirol demais, culpa dos pastores que permitem isto na casa de Deus. Está na hora de revermos muitos conceitos, muitos.

Não tenho outra definição a dar, senão concordar com o que ouvi e nem me surpreendi : "A música gospel brasileira está uma m...".

PASTOR EDUARDO SILVA

7 comentários:

Pr. Josias Almeida disse...

Tem minha humilde concordância em gênero, número e grau amado Pr. Eduardo Silva. Só me permita acrescentar em sua célebre lista de grandes compositores, o senhor mesmo (Eduardo Silva, exímio poeta), que óbvio sua modéstia omitiu, e João Quintino da Silva. No mais, é puro besteirol e uma m.......(risos).

Primavera da Vida disse...

Muito bem pastor,quem conheceu a música de ziran Araújo, Mara Dalila, Jorge Araújo, Creuza Ferreira, Cícero Nogueira, não se embebeda com esse lixo atual.

clemildo disse...

Lembro-me quando o senhor compôs hinos maravilhosos, para serem temas de confraternização de mocidade da Assembléia de Deus, ministério do templo central em Aerolândia, Fortaleza -Ce. Hinos que nos faziam sentir a unção de Deus realmente presente em nossas vidas.
" Santificai-vos na verdade da palavra de Deus, jovens não há tempo a perder, guarda esta palavra no teu coração, porque Deus procura jovens cheios de poder. Você é um instrumento Deus vai lhe usar o crente cheio do espírito o inimigo vencerá."
este trecho é de um desses hinos maravilhosos compostos pelo senhor.
A paz do Senhor, e um grande abraço.

Lucia Ramos disse...

Concordo com o que escreveu. Sou cantora e compositora e assumo que sou uma otima. Mas não estou na mdia, então minhas musicas não são conhecidas.Sou da Ass. de Deus Madureira.

Adiel Ferreira disse...

Caro Eduardo, ma minha opinião pessoal, você é um dos caras mais inteligentes nessa área, fala com propriedade, é uma autoridade respeitadíssima na área da música, porém o assunto é amplo demais. Concordo. Tem muita gente fazendo m.... mesmo e o pior, em nome de Deus. Mas não é generalizado. Tem mita gente fazendo musica inteligente também. Mas o que pega pra mim mesmo, em particular é que: NÃO atribuam apenas a música gospel com aquele estilo que pessoalmente A ou B goste, com o modelo antigo, com aquela musica que fez parte da minha vida lá num passado distante. A musica, assim como o cheiro, marca os momentos das vidas. Quando você sente um cheiro de um perfume da infância, você remete aquele tempo, bom ou ruim, mas traz a lembrança. Assim também é a música. Não posso agora escutar aqueles hinos do conjunto das crianças que marcou minha vida como os únicos, como os de Deus. A música evolui. Mas é preciso manter a prudência, e até o respeito. Já me falaram que tem um carinha cantando com o nome de Wesley Salvação..... pode? acredito que muitos sabem o que falo. Temos que ter cuidado também na motivação do que pronunciamos através da música. É adoração? adore. É sobre salvação? proclame. conta uma estória apenas? conte, dê o recado... fala de amor pra sua esposa?? ame, fale. Agora... não misture, não me rotule rítimos atribuindo que esse é de Deus e esse é do capêta!!! o capêta não tem nem a chave da casa dele. Agora repito: prudência, sensibilidade, unção O que é inspirado pelo do Espírito Santo alegra o corpo, a alma e o espírito.

Pastor Eduardo Silva disse...

Caro Adiel, o assunto é amplo. A posição e a frase sobre a música gospel atual, que está uma m... na verdade não é minha, é bom ressaltar isto. Eu ouvi isto de alguém. A música atual está mesmo muito pobre, com rarissimas excessões. Tem coisa boa, tambem, claro, mas é muito pouco, muito pouco mesmo.Criatividade ZERO. É que depois que conheci de perto música de boa qualidade na outra América, fica dificil engoliar essas besteiras que se escrevem no Brasil. É pobreza total, falta de tudo, de poesia, de inspiração, de inteligencia. Parece que todos os escritores atuais só escrevem na mesma linha, ou seja, VAI ME APLAUDIR DE PÉ... Que droga, que lixo, que falta de tudo. Eu vou sempre criticar isto, e aplaudir o que é bom, que aliás, quase não temos em nosso solo pátrio. Esta é a minha verdade.

eduardo campos disse...

PASTOR EDUARDO
EU SOU DO TEMPO QUE AO PASSAMOS POR UMA RESIDENCIA E OUVIAMOS UM HINO TOCANDO IMEDIATAMENTE.SABIAMOS QUE ALI MORAVA UM CRENTE, HINOS QUE TOCAVAM A ALMA O SENHOR MESMO USADO POR DEUS ME FEZ E FAZ MUITAS VEZES SENTIR A PRESENÇA DE DEUS COM SEUS LOUVORES TODOS COM TOTAL RESPALDO BIBLICO, PORÉM HOJE AS MUSICAS GOSPEL (COMO DENOMINAM )TOCA MUITO MAIS O CORPO DO QUE O ESPIRITO,CERTA VEZ ESTAVA EU NUMA CAMPANHA E UMA IRMÃ COMEÇOU A CANTAR "UM HINO" AI UM SENHOR QUE ESTAVA ASSISTINDO COMEÇOU A DANÇAR OUTROS SE REBOLAVAM E POR AI ADIANTE.

UM ABRAÇO
EDUARDO CAMPOS - FORTALEZA-CE